terça-feira, 23 de julho de 2013

Fetiche de lamber globo ocular tem causado conjuntivite no Japão

Especialistas temem que prática se popularize demais, visto que, além de conjuntivite, esse fetiche pode levar a lesões na córnea.


Médicos têm demonstrado preocupação com a popularização de um fetiche não muito comum, mas que tem atraído os jovens do Japão desde meados do ano 2000: trata-se do oculolinctus, ou seja, a prática de lamber o globo ocular de alguém.

De acordo com uma matéria publicada pelo The Huffington Post, esse tipo de ato tem causado conjuntivite em alunos na faixa etária dos 12 anos. E isso não é tudo: de acordo com o oftalmologista Dr. David Granet, a língua pode causar desgaste na córnea e, caso a pessoa não tenha higienizado bem sua boca antes de praticar o fetiche, é possível que ela acabe ferindo o olho alheio com o ácido presente em muitos elementos.

Como se não bastasse, não está descartada a possibilidade de uma pessoa passar herpes para a outra, caso tenha lesões na boca. E o Dr. Phillip Rizzuto, da Academia Americana de Oftalmologia, alerta para o fato de que as bactérias presentes na boca são muito diferentes das que vivem nos olhos. Esse é o motivo, por exemplo, para que médicos não recomendem que pacientes limpem lentes de contato lambendo-as.

Enquanto isso, basta uma pesquisa por “oculolinctus” na internet para constatar que os praticantes não se intimidam com os riscos desse fetiche.

É bem óbvio que isso não daria certo, não?

Um comentário:

Não deixe de se expressar!
Sua opinião é muito importante para nós.