sexta-feira, 24 de julho de 2015

10 animais gigantes da pré-história

É difícil imaginar que em 10 milhões de anos atrás (ou muito mais) haviam tantos animais diferentes e gigantescos na Terra. Temos a simples ideia de que os dinossauros foram os mais tenebrosos e assustadores predadores, mas acreditem, existiam tantas outras criaturas que dão até um frio na espinha. Pelo o que eu andei pesquisando, alguns animais dessa época eram gigantescos devido à grande quantidade de oxigênio na atmosfera (se não for isso, me corrijam nos comentários).
Hoje vou listar para vocês 10 animais pré-históricos que você vai dar grazadeus por não viverem nos dias de hoje.

1) Platybelodon

1

O Platybelodon foi uma espécie de grande mamífero herbívoro da família do elefante que viveu há cerca de 23 milhões a 5 milhões de anos, na época do Mioceno. Eles tinham maxilares longos com dentes, que eram usados para se alimentarem de plantas aquáticas




2) Titanoboa cerrejonensis

1

Talvez essa tenha sido a maior espécie de serpente descoberta até agora. Viveram há cerca de 60 milhões de anos durante o período Paleoceno, na América do Sul. Estima-se que essa espécie medisse cerca de 13 metros de comprimento, 1 metro de diâmetro e pesasse cerca de 1100 quilos.

3) Meganeura
Meganeura

Esse inseto viveu cerca de 300 milhões de anos atrás e se pareciam bastante com as libélulas que conhecemos hoje. Com mais de 75cm de largura, foi o maior inseto voador que já existiu na Terra. Eles se alimentavam de outros insetos e pequenos anfíbios.

4) Jaekelopterus Rhenaniae

Massive-Prehistoric-Insects-Jaekelopterus-Giant-Scorpion-Fossil

Esse cara era tipo um escorpião aquático de quase 3 metros. Não há dúvidas de que foi o maior artrópode já descoberto. Essa espécie viveu aproximadamente 390 milhões de anos atrás. Suas quelíceras, ou seja, as “presas”, mediam cerca de 46cm.


5) Varanus priscus

megalania_600

Também conhecido como “Megalania”, esse gigante lagarto monitor viveu cerca de 1,6 milhões de anos até 30 mil atrás na Austrália. Estudiosos confirmam que eram muito parecidos com o Dragão de Komodo, mudando apenas o tamanho: essa espécie chegava a atingir cerca de 8 metros de comprimento, enquanto o lagarto atual mede mais ou menos 2-3 metros.

6) Arthorpleura

Arthropleura-1024x768

Esse gigante artrópode viveu aproximadamente há 330 milhões de anos. Chegava a medir 2,6 metros de comprimento (para uma centopeia isso é relativamente medonho) e pesava 50 quilos. Eles foram extintos quando o clima úmido da Terra começou a secar e o nível de oxigênio a abaixar, o chamado período Pérmico.


7) Megatherium (Megatério)

Megatherium_americanum_complete

Esse nome significa “besta gigante”, então imaginem vocês o tamanho dessa preguiça que viveu há aproximadamente 20 mil anos. Esse animal era do tamanho de um elefante e quando ficava em pé chegava a ter 4 metros de altura, mas eles eram tão pacíficos que viravam presas fáceis para grandes predadores. Acredita-se que um dos responsáveis pela extinção da espécie foi o homem.

8) Dunkleosteus Terrelli

DunkleosteusSannoble

É difícil de imaginar, mas prestem atenção nas medidas extraordinárias desse peixe: 4.000 quilos, 10 metros de comprimento, com a mordida tão forte quanto a de um tiranossauro e capaz de exercer uma pressão equivalente a 5.500 quilos (o que é cerca de dez mil vezes maior do que a mordida de um grande tubarão branco).
Foram extintos há quase 400 milhões de anos e até hoje apenas o fóssil do crânio foi encontrado.

 
9) Arctodus

arctodus_simus_ii_by_twomedicinefm2011-d4vzyup

Também conhecidos como “urso de perna longa”, essa espécie viveu entre 800.000 e 12.500 anos atrás. Eles podiam atingir cerca de 3,5 metros e eram mais magros que os ursos atuais. Também eram carnívoros e ótimos caçadores de longas distâncias, devido à sua grande agilidade e velocidade.

10) Sarcosuchus imperator (Crocodilo Imperador)

Sarcosuchus

Esses predadores natos viveram há 110 milhões de anos onde hoje fica o deserto do Sahara. Nessa época a região era uma selva com grandes rios habitada por dinossauros e outros animais, incluindo os crocodilos. Até hoje não encontraram esqueletos completos dessa espécie, mas estima-se que eles tinham aproximadamente 15 metros de comprimento. Uma conta rápida: a largura total do corpo de um crocodilo é 8x a largura do seu crânio. O crânio do Sarchosuchus tinha quase 2 metros de extensão, então acho que devo ficar feliz por um animal desse não viver nos dias de hoje.

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de se expressar!
Sua opinião é muito importante para nós.